Depois de muito planejamento, rascunhos e pesquisas, finalmente chegou a hora de tirar o seu projeto do papel e colocar na internet. Para isso, nada melhor que trabalhar com uma das plataformas mais fáceis e amigáveis da web: o WordPress.

Mas antes de continuar, sempre surgem dúvidas como quanto custa um site em WordPress. Isso vai depender bastante do quanto você quer investir e, a partir dessa informação, direcioná-lo para aquela que melhor pode atendê-lo.

O objetivo deste artigo específico é ajudar quem quer criar sites em WordPress, o que pode ser um investimento bem pequeno (somente em domínio e hospedagem, por exemplo).

Aqui vamos te ensinar o passo a passo sobre como ter um site em WordPress. O que você precisa saber antes de publicar o seu site como a compra de um domínio e hospedagem, criação de logo e templates e, até mesmo, a contratação de um produtor de conteúdo.

Preparado para saber tudo isso e muito mais? Vem com a gente!

Primeiros passos para ter um site em WordPress

1. Tenha um domínio

O primeiro passo e, talvez ainda mais importante que o desenvolvimento do seu site WordPress, é a escolha de um bom domínio.

Um domínio fácil de lembrar e escrever, que seja diretamente ligado e contenha as principais palavras-chaves referentes ao seu negócio é fundamental para se posicionar bem nas pesquisas do Google.

Os domínios mais comuns e que tem um melhor desempenho na hora de aparecer nos resultados das buscas são os terminados em .com.br ou .com.

Se você deseja registrar um domínio .com.br, o site mais indicado é o Registro.br. Lá você consegue conferir se o domínio escolhido já está em uso e ainda recebe sugestões de outras extensões que talvez sejam interessantes para redirecionamento.

2. Contrate uma hospedagem

Escolhido o domínio, é hora de pensar na hospedagem para WordPress.

É possível contratar hospedagens voltadas exclusivamente para WordPress, sem todos os aparatos para projetos mais complexos que influenciam diretamente no desempenho e na velocidade do seu site.

A WOWF conta com planos e suporte especializado em WordPress. Confira nossos planos!

foto do site antigo WordPress.org

3. Crie um logo e identidade visual

Definido o domínio e contratada a hospedagem, é hora de partir para a parte visual do seu site.

Com um domínio forte, fácil de lembrar e escrever, nada mais natural que associá-lo a uma logo que faça o usuário lembrar-se do seu negócio só de olhar para a sua marca.

O ideal é que você contrate um profissional especializado para criar um logo e a identidade visual da sua empresa. Isso trará credibilidade e conceito para sua marca. Alguém falou em Fabio Lobo?

Se você está com o orçamento apertado, poderá optar por geradores de logo grátis e criar, você mesmo, algo provisório. Afinal, se a grana está curta, nada melhor que economizar onde é possível.

4. Crie um template

O próximo passo antes de colocar o seu projeto no ar é escolher um template para site WordPress que atenda aos seus objetivos. Se você não sabe o que é um template, este artigo pode te ajudar.

De maneira resumida, o template é o visual do seu site. E ele está diretamente ligado ao objetivo do seu projeto. Se é um site de e-commerce, se é um site portfolio ou se é apenas um blog.

Escolhido o tema do seu projeto, você tem dois caminhos: buscar templates prontos para WordPress (no link acima há algumas opções, além da FicaOn), que têm uma variedade incrível e com boa qualidade, ou buscar uma solução personalizada contratando um profissional para criar o template do seu site. Alguém falou em Fabio Lobo de novo?

5. Contrate um redator (opcional, mas ideal)

Se você optou por um projeto que envolve marketing de conteúdo, é possível, também, contratar redatores para a produção dos textos do seu blog.

Hoje em dia existe uma grande comunidade de redatores freelancers especializados em produção de conteúdo para blogs, que oferecem serviços de qualidade por preços atrativos e que cabem no seu bolso.

Lá na ANDALE você pode ver algumas opções de redatores confiáveis que podem gerar conteúdo para seu projeto.

Publique seu conteúdo e…

Tudo pronto! Agora é só colocar seu site no ar.

Publicado em: Tutoriais | 0 comentários

Leia também:

Deixe seu comentário!